Artigo - Ouro Safra
Brasil não importava tanto trigo desde 2013.
O Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços informou que o Brasil importou exatamente 1.880.683,94 de toneladas de trigo, com o custo total de US$ 431.082,53 e preço médio de US$ 229,22 no primeiro trimestre de 2019. De acordo com o especialista Luiz Fernando Pacheco, analista da T&F Consultoria Agroeconômica, esse é o maior volume importado do cereal desde 2013, quando o país comprou 1.894.649,80 de toneladas.

“O nosso principal fornecedor como de costume foi a Argentina com 1.739.386,33 toneladas, seguido do Paraguai com 107.673,91 toneladas, 33.620,44 toneladas vindas dos EUA e 3.270 toneladas vindas do Líbano (com um custo médio de US$ 1053,29 a tonelada) São Paulo foi o principal estado importador, com 15,35% do volume total, seguido pelo Paraná (14,08%) e Ceará (11,41%)”, escreveu ele, em seu boletim informativo diário.

Além disso, os dados do MDIC para a importação de farinha de trigo no país mostram, em contraponto, que o ritmo desacelerou ante as duas últimas temporadas. “O Brasil importou um volume total de 95.155,71 toneladas de farinhas de trigo no primeiro trimestre de 2019, contra o recorde de 108.354,93 em 2017 e as 104.328,64 toneladas em 2018. Mesmo assim compramos 85,17% a mais que 2013 e 102,22% a mais que 2014 para o período”, completa.

“O custo total de importação da farinha de trigo no primeiro trimestre foi de US$ 33.284,67 com um preço médio de US$ 349,79 a tonelada. Nosso principal fornecedor novamente foi a Argentina com 88.688,72 toneladas, seguidos pelo Paraguai 4.432,26 toneladas e Uruguai 4.316,35 toneladas. Outros países não especificados enviaram 1.370,92 toneladas para o Brasil nesses três primeiros meses de 2019”, conclui.
Fonte: agrolink
Cientistas fazem batata resistir ao calor. 19/05/2019
Pesquisadores da Universidade de Erlangen-Nuremberga, na Alemanha, desenvolveram uma técnica q...
Artigo Leia mais
Brasil aproveita altas e vende 2 mi tons na semana. 19/05/2019
Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, ...
Artigo Leia mais
CITROS/CEPEA: oferta elevada pressiona cotações das frutas cítricas. 18/05/2019
A demanda enfraquecida por laranja in natura no estado de São Paulo e a maior oferta de frutas...
Artigo Leia mais
Umidade no solo interrompe plantio das culturas de inverno. 18/05/2019
A semana foi caracterizada por dias chuvosos e elevada umidade do solo, impedindo a continuidad...
Artigo Leia mais

Ouro Safra® 2012. Todos direitos reservados