Notícia - Ouro Safra
Paraná pede ampliação do período de plantio do milho segunda safra

A Secretaria de Agricultura do Paraná, junto do Sistema Faep/Senar e Ocepar, pediram nesta terça-feira, 14, que o Ministério da Agricultura prorrogue por 20 dias o período de plantio do milho segunda safra na temporada 2019/2020. A solicitação foi motivada por condições climáticas adversas, como altas temperaturas e falta de chuvas, que fizeram com que os produtores atrasassem o plantio de soja no estado.

Segundo o documento enviado à ministra Tereza Cristina na sexta-feira, 10, o plantio tardio da oleaginosa em decorrência dos fatores climáticos provocou ‘um natural retardamento do período de colheita de soja, o que impedirá que a semeadura do milho de segunda safra seja efetuada dentro do melhor período recomendado pelo Zarc [Zoneamento Agrícola de Risco Climático]’.

“Sabe Vossa Excelência a importância de uma grande produção de milho na segunda safra 2019/2020, não só para fiel cumprimento de compromissos internacionais, mas, especialmente, para não sustentar um nível muito elevado de preços, que está está afetando os custos das cadeias de proteínas animais”, diz o documento assinado por representantes das entidades.

Rio Grande do Sul

O Rio Grande do Sul passa por situação parecida. Para os gaúchos, o agravamento da situação acontece por conta da forte seca que atinge algumas regiões do estado nesta safra. Entidades do agro também pediram a ampliação do período de zoneamento agrícola no estado. Porém, o diretor do departamento de Gestão de Riscos da pasta, Pedro Loyola, excluiu a possibilidade alegando que a ampliação poderia expor o produtor rural a mais perdas.

Fonte: Canal rural


Ouro Safra® 2012. Todos direitos reservados